quinta-feira, 20 de abril de 2017

RE/MAX Brasil recebe selo de excelência em Franchising da ABF




Na última sexta-feira (07/04), em São Paulo, durante premiação da ABF – Associação Brasileira de Franchising, a RE/MAX Brasil recebeu o selo de excelência em Franchising, o que lhe coloca como a número 1 no mercado de franquia imobiliária no Brasil. No evento estiveram presentes os sócios da RE/MAX Itacon e da Master Regional Bahia Interior, Leandro Lopes ‘Léo Lopes’, que foi vereador e candidato a prefeito por Itamaraju nas últimas eleições e Kerley Reis. Eles são sócios da RE/MAX Itacon em Porto Seguro, juntamente com a mãe de Léo Lopes, Lúcia Lopes.
Segundo Léo Lopes, que é Diretor Executivo da RE/MAX Itacon e Sócio Diretor da Master Regional Bahia Interior, essa premiação significa a demonstração do quanto a RE/MAX é grande e, do quanto tem feito a diferença a filosofia desta marca existente em 102 países do mundo e considerada a maior rede imobiliária do mundo, o que hoje oferece uma condição imensa de ter bons profissionais com atendimento qualificado. “Somos a única franquia imobiliária que contém a Universidade RE/MAX, que auxilia, ensina e atualiza tanto nossos corretores como franqueados e master franqueados, para melhor atender nossos clientes”, diz.
Recentemente Léo Lopes e seu sócio adquiriram a Master Regional Bahia Interior, que lhes dão agora a condição de negociar e vender as franquias em todo o Estado da Bahia, com exceção de Salvador, que ainda é um projeto futuro. Neste novo desafio os empresários acreditam no grande potencial da marca e no novo momento do mercado imobiliário e de negócios, uma vez que a atual situação financeira do país tem levado muitos empresários a acreditar cada vez mais no mundo do Franchising.
Com sede própria agora em Porto Seguro, onde será a base da Master Regional, Léo Lopes e seu sócio estarão rodando todo interior baiano, apresentando a marca para os interessados em adquirir um novo negócio, ou até converter aquelas imobiliárias que queiram inovar e obter um Know How da RE/MAX para alavancar ainda mais os seus negócios.
Posicionamento interessante dito pelos empresários foi que agora com a aquisição da Master Regional, eles se tornaram sócios da RE/MAX Brasil e, com um grande desafio pela frente de toda a marca que irá ingressar no IPO

Ingressos para Bahia x Fluminense de Feira estão à venda Jogo será sábado (22), às 16h, na Fonte Nova Da Redação (redacao@correio24horas.com.br) 20/04/2017 06:07:00 Já estão à venda os ingressos para Bahia x Fluminense de Feira, jogo que definirá quem é o primeiro finalista do Campeonato Baiano. O confronto será no sábado (22), às 16h, na Fonte Nova. Como venceu o primeiro jogo por 3x0, o tricolor pode perder por até três gols de diferença que, ainda assim, estará classificado.


Nesta quinta-feira (20), as vendas acontecem na internet, pelo site arenafontenova.com.br. além dos pontos de venda físicos, que são as lojas Ticket Mix do Shopping da Bahia e Salvador Shopping, além das lojas oficias do Bahia, no Salvador Norte Shopping, Shopping Bela Vista, Paseo Itaigara e Shopping Estrada do Coco. Os ingressos variam de R$ 15 (meia) para o setor Super Sul, custa R$ 15 (meia) e o mais caro é o Lounge Premium, com valor fixo de R$ 140. Crianças de até 12 anos não pagam ingresso, exceto para o Lounge Premium, que cobra R$ 35 por criança de 7 a 12 anos. É limitada a venda de quatro ingressos por pessoa.
Confira a programação de vendas:
Quinta-feira (20/04)
Internet
Ticketmix – Shopping da Bahia (9h-22h) e Shopping Salvador (9h-22h)
Loja Oficial do Bahia – Salvador Norte (9h-22h), Bela Vista (9h-22h), Paseo Itaigara (9h-21h) e Estrada do Coco (9h-21h)
Sexta-feira (21/04)Internet
Ticketmix – Shopping da Bahia (13h-21h) e Shopping Salvador (13h-21h)
Loja Oficial do Bahia – Salvador Norte (13h-21h), Bela Vista (13h-21h) e Estrada do Coco (13h-21h)
Bilheterias da Arena - 10h às 14h
Sábado (22/04)Internet – Até 15h30
Bilheterias da Arena – A partir das 9h
Preços- R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira) - Super Sul;
- R$ 20 (meia) e R$ 40 (inteira) - Norte e Leste;
- R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira) - Oeste;
- R$ 140 - Lounge Premium;
- R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira) - Visitante.
Internet
- R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira) - Super Sul;
- R$ 20 (meia) e R$ 40 (inteira) - Norte e Leste;
- R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira) - Oeste.

Novas regras da Previdência reduz valor da aposentadoria

Previdência: novas regras reduzem valor da aposentadoria

 
 Cálculo do benefício passa a considerar 100% de todos os salários de contribuição e não 80% dos maiores salários, como ocorre atualmente

Lucy Brandão Barreto e agências (lucy.barreto@redebahia.com.br)
A reforma da Previdência vai mexer, entre outros pontos, com a quantidade de dinheiro que o brasileiro recebe no final da vida. As novas regras apresentadas ontem no parecer final do relator, deputado Arthur Maia (PPS-BA), na comissão especial da Câmara dos Deputados, apontam para uma aposentadoria ainda menor. Isso porque, de acordo com o relatório, o cálculo do benefício passa a considerar 100% de todos os salários de contribuição do trabalhador e não 80% dos maiores salários, como ocorre atualmente. 

Pela lei atual, os menores salários, geralmente recebidos no início de carreira, são descartados, o que acaba elevando a base de cálculo do benefício, explica o advogado e especialista em Direito Previdenciário João Badari. “Agora, com a conta feita em cima da média de todos os valores recolhidos, a média dos benefícios sofrerá um prejuízo”, afirma o especialista.
A ideia do governo, no entanto, é reduzir as despesas com o pagamento de benefícios, mesmo que a mudança represente perdas aos trabalhadores. A nova regra tende ainda a beneficiar quem tem mais tempo de contribuição e estimular os brasileiros a ficar mais tempo na ativa. A economia estimada pela equipe econômica do governo, caso a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) seja aprovada no Congresso, é de R$ 630 bilhões em 10 anos.
IDADE MÍNIMA PROGRESSIVA
Outro ponto detalhado ontem no parecer final foi a idade mínima progressiva para a regra de transição da aposentadoria. A idade mínima começará em 53 anos para mulheres e 55 anos para os homens e será elevada gradativamente, um ano a cada biênio, a partir de 2020. Isso até 2036, quando a idade mínima das mulheres atinge a regra permanente, de 62 anos, e 2038, no caso dos homens (mínima de 65 anos).
Com a mudança anunciada pelo relator em sua proposta, a regra de transição para as mulheres acaba em 2036, um prazo menor do que o estabelecido para os homens, em 2038. A proposta inicial do relator para a transição das mulheres – já abandonada – contemplava uma transição mais lenta, que iria até 2038.
Isso foi possível porque o relator acelerou o crescimento da idade mínima progressiva para a aposentadoria das mulheres. Antes, ela adicionava 11 meses a cada dois anos. Agora, são 12 meses a cada dois anos. Ou seja, em 2020,  a idade mínima passa a ser 54 anos para mulheres e 56 para os homens. “Passamos [a progressão] para um ano para ficar uma conta redonda”, disse Arthur Maia. 

CÁLCULO DO BENEFÍCIO
Segundo a proposta do relator, o cálculo do benefício parte de uma base de 70% da média de salários para quem contribuir o tempo mínimo de 25 anos e com ganhos crescentes ao longo do tempo. A ideia do governo federal é estimular a permanência do trabalhador na ativa por mais tempo.
Entre 25 e 30 anos de contribuição, o ganho anual adicional será de 1,5 ponto percentual. Dos 30 aos 35 anos de contribuição, o acréscimo é de 2 pontos percentuais. Já dos 35 anos até os 40 anos de contribuição, serão adicionados 2,5 pontos percentuais a cada ano, chegando então a 100% do benefício.
Levando em consideração essas regras, uma pessoa com salário médio de R$ 1.500 (calculado sobre 100% de todos os salários de contribuição) que se aposentar com o mínimo de 25 anos de contribuição receberia um benefício de R$ 1.050, segundo o coeficiente de 70% proposto na reforma. Já se o mesmo trabalhador contribuir por 40 anos para a Previdência, poderá se aposentar recebendo 100% do salário, correspondente aos R$ 1.500. Veja mais simulações de aposentadoria abaixo.
OUTRAS MUDANÇAS
Um dos pontos que o próprio relator chamou de “surpresa” foi a idade mínima para aposentadoria rural das mulheres, estabelecida em 57 anos. Para os homens ficou definida a idade de 60 anos, ambos com contribuição de pelo menos 15 anos à Previdência.
Para os parlamentares, o relator apresentou a idade mínima de 60 anos, subindo a partir de 2020 até o limite de 62 anos (mulher) e 65 (homem) com contribuição mínima de 35 anos. Além disso, os detentores de mandato eletivo passam a ser obrigatoriamente vinculados ao Regime Geral da Previdência Social (INSS) e a aplicação das novas regras é imediata aos detentores de novos mandatos eletivos, desde que já não sejam vinculados ao regime de previdência parlamentar da casa para a qual se reelegeram.
Sobre as pensões, ficou definido no relatório que elas devem ser vinculadas ao salário mínimo. Há ainda a possibilidade de cumular uma pensão e uma aposentadoria até o limite de dois salários mínimos. 
A votação do parecer do deputado Arthur Maia (PPS-BA) sobre a reforma da Previdência na comissão especial da Câmara foi adiada para o dia 2 de maio, segundo um acordo firmado entre governo e oposição na sessão de ontem. A votação começará um dia após os protestos das centrais sindicais contra a reforma durante o Dia Mundial do Trabalhador, comemorado em 1º de maio.
Para o relator, no entanto, a votação nesta data não representa riscos. “O protesto vai ser dentro da Comissão?”, ironizou o deputado. Ele avaliou como favorável o acordo fechado entre as lideranças governistas e a oposição para o início da votação no dia 2 de maio, sem obstrução até lá. “Desde quando fazer acordo é derrota? É um acordo favorável para votar a PEC”, declarou. 
Oliveira Maia também rebateu a avaliação de que a seu parecer desidratou a proposta original de reforma da Previdência. “Como desidratou? O parecer só faz aumentar”, ressaltou ontem.

SIMULAÇÕES
SALÁRIO MÉDIO DE R$ 1.500
25 anos de contribuição: Coeficiente de 70%, benefício de R$ 1.050,00 
30 anos de contribuição: Coeficiente de 77,5%, benefício de R$ 1.162,50 
35 anos de contribuição: Coeficiente de 87,5%, benefício de R$ 1.312,50 
40 anos de contribuição: Coeficiente de 100%, benefício de R$ 1.500,00 

SALÁRIO MÉDIO DE R$ 3 mil
25 anos de contribuição: Coeficiente de 70%, benefício de R$ 2.100,00
30 anos de contribuição: Coeficiente de 77,5%, benefício de R$ 2.325,00
35 anos de contribuição: Coeficiente de 87,5%, benefício de R$ 2.625,00
40 anos de contribuição: Coeficiente de 100%, benefício de R$ 3.000,00

(Obedecendo a idade mínima de 65 anos para homem e 62 anos para mulher).  

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Estrela é Campeã do 21º Torneio do Descobrimento de Futebol Feminino de areia




Aconteceu na tarde de domingo dia 16 ,  a  21º Torneio do Descobrimento de Futebol Feminino de areia em porto Seguro
A competição  foi um sucesso e contou com a participação de 16 Equipes do Sul e Extremo sul da Bahia.
O time Estrela de Ibirussu distrito de Porto Seguro sagrou-se campeão da competição vence  a Associação de futsal de Porto Seguro , o terceiro Lugar ficou pra o seleção de feminino  Eunápolis .

O Radialista Charles Senna fez a entrega do Troféu de Campeão para Estrela , Geovan Santos o Ligeirinho Diretor do Site fez a entrega do troféu de vice a Associação futsal de Porto Seguro e o esportista Romali Moura fez a entrega do troféu a equipe de Eunápolis terceira colocada na competição 
Organização : Valmirete Souza

Resultado do Torneio :

CAMPEÃO- ESTRELA DE IBIRUSSU
VICE-CAMPEÃO- ASS. DE FUTSAL
3º LUGAR- EUNÁPOLIS
ARTILHEIRA- QUEL, FEZ 04 GOL JOGA NO TIME ESTRELA
GOLEIRA M. VAZADA- INAJAR, JOGA NO TIME ESTRELA
MELHOR TÉCNICO- NEGA DO TIME ESTRELA

Por Ligeirinho

Fotos Ligeirinho No Esporte 














   








































































A TRIBUNA BAHIA

A TRIBUNA BAHIA
Noticias 24 horas