Tendência

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Salvador: MPE Já havia alertado perigo na travessia


O MP ainda manifestou solidariedade com os familiares das vítimas da embarcação Cavalo Marinho I, que naufragou deixando pelo menos 18 mortos na Baía de Todos-os-Santos. 
Resgate


Pescadores e moradores auxiliaram no resgate levando as vítimas para a areia da praia. Moradores de Mar Grande foram para o pier assim que souberam do acidente. Embarcações particulares tentaram se aproximar do local do naufrágio para ajudar a socorrer as vítimas. 
"Quando eu percebi que tinha virado, eu já estava embaixo da água, tentando respirar, e não conseguia. Eu pedi tanto a Deus que eu suspendi a cabeça e tive a respiração. As madeiras começaram a quebrar. O barco começou a desmanchar", contou, emocionada, a faxineira Morenita Santana, 35. 
Cinco lanchas, quatro navios da Marinha, com mergulhadores, e 130 militares participam do trabalho de resgate. Três navios da Base Naval de Aratu e três lanchas da Capitania dos Portos foram deslocadas para o local do naufrágio para auxiliar nas buscas. 
"Nós recebemos um chamado de emergência via rádio por volta das 8h e, em seguida, mandamos três embarcações de resgate, imediatamente. Três navios da base com médico a bordo e todo aparato para dar socorro está a caminho. Também acionamos outros órgãos como o Graer, Samu e Bombeiros", disse o capitão-tenente da Marinha, Fernando Jeann Tôrres 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A TRIBUNA BAHIA

Noticias 24 horas do Sul da Bahia- Agência Porto Press Comunicação-Você repórter 73-99994-2798- whatsapp

Follow by Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Traduzido Por: Mais Template - Designed: Blogger Templates - Curioso Curiosidades