Seminário, ''A Importância da Medicina Legal na Perícia Criminal'' mobilizou acadêmicos da FACISA em Itamaraju

Cobertura Fotos: Ailson Barros
Reportagem: Henrique Peixoto
Redação A Tribuna: Edmilson Ciriacco

 Foi realizada durante a noite de sexta-feira 19 de outubro no auditório da Facisa, o seminário “A Importância da ''Medicina Legal na Perícia Criminal e a Policia Militar e a Suas Atribuições Constitucionais'', o evento aberto ao público contou com a presença de acadêmicos, advogados e estudantes de diversas instituições de ensino.
 O seminário foi realizado através dos acadêmicos do 8º Semestre de Direito sobre a coordenação do professor mestre Fernando Teles, participaram do evento o diretor da Facisa Professor Dr. Jackson Cordeiro,
  o perito criminal do departamento de polícia técnica da Bahia, João Costa da assunção (palestrante), a perita medica legista do departamento de polícia técnica da Bahia Maria Eliza Pires Cardoso (palestrante, Capitão PM Sidney Oliveira (palestrante), comandante da 43ª CIPM Major PM Robson Lopes Calmon, representante dos acadêmicos organizadores Francisco Lage e orientador do seminário professor Johnnatan Reges.
 Com o tema: A Policia Militar e Suas Atribuições Constitucionais o palestrante Capitão Sidney  Oliveira apresentou ao público a importância da polícia militar na sociedade e fundamental papel atuando ostensiva na preservação da ordem pública e atribuições definidas em lei, incumbindo a execução de atividades de defesa civil entre outros papeis constitucionais. 

Capitão PM Sidney é Bacharel em Gestão da Segurança Pública e Defesa Civil, Bacharel em Direito e Pós-Graduado em Gestão Pública.

 Palestrando sobre a Perícia Criminal os acadêmicos acompanharam a apresentação do Perito Criminal do Departamento de Polícia da Bahia e Diretor do Interior de Polícia Técnica Engenheiro Civil e Professor Universitário João Costa Assunção, demostrando grande experiência sobre o assunto o professor destacou os valores da profissão e importância da função em diversas atividades contribuindo em coleta de provas, 
 levantamento de evidencias em locais de crimes, construção de retrato falado e demais ações que muito contribui na sociedade “ o perito criminal planeja, ordena e elabora perícias criminalísticas externas e dentro do laboratório de crimes de qualquer natureza, o passaporte do perito criminal é através do concurso público e a determinação é uma ferramenta fundamental para o sucesso profissional” encerou.
 Com olhares atentos de centenas de acadêmicos a palestrante medica legista Maria Eliza Pires reforçou o tema: A Importância da Medicina Legal na Perícia Criminal destacando a atuação da medicina e avanços tecnológicos que ajudam a elucidar crimes e apresentar materialidades apresentando informações concretas juntamente com a perícia criminal, “A Medicina Médico Legal, 
 por sua vez, estuda os fenômenos existentes em diversas áreas cientificas a Medicina Médico Legal auxilia os peritos, aplicadores do direito (Advogados, Promotores, Defensores e Procuradores) e aos julgadores (Magistrados e Jurados) quanto à interpretação de determinadas infrações penais existentes na área Médico Legal ” hoje mais uma vez fica provado a importância de cada papel executado e grande contribuição na sociedade – encerrou.
 Maria Eliza é Perita Médica Legista do DPT da Policia Técnica da Bahia atuando como Coordenadora Regional em Serrinha, Recôncavo Baiano e Mata Sul com formação em medicina especializada em Ginecologia, Obstetrícia, Pós-Gestão e Segurança Pública e Assessoria da Diretoria do Interior.
 Encerrando o evento os acadêmicos do 8º semestre fizeram as considerações finais ao publico presente e a todos os palestrantes pela participação e colaboração, contribuindo de forma grandiosa para a formação e construção da cidadania e novos profissionais.

Por: Henrique Peixoto.


Nenhum comentário