Blog do Ciriacco: Robério hostilizado no reveillon

Edmilson Ciriacco-BASTIDORES
O presidente Jair Bolsonaro só tomou conhecimento da promoção do filho do vice Hamilton Mourão, Antonio Mourão, quando a informação tornou-se pública. O mandatário assinou a nomeação.
ELE NAO SABIA
AFILHADAGEM
Ao passar a ser assessor especial do presidente do BB, Rubem Novaes, os vencimentos de Antonio na instituição vão saltar de R$ 12 mil para R$ 36,5 mil. A nomeação causou mal-estar entre os ministros do governo.
*********************************************************************************************
Dirigentes de legendas alinhadas ao governo de Jair Bolsonaro estão assustados com a sequência de informações desencontradas, recuos e notícias desfavoráveis a integrantes da nova gestão.
CASA BAGUNÇADA
De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a avaliação é de que os nomes do primeiro escalão abusam do direito de errar e que, caso o presidente não tente "arrumar a casa", poderá encontrar na volta do recesso um Congresso pouco simpático, disposto a apostar na desorganização do governo para extrair vantagens.
 ***********************************************************************************

Na última semana, o presidente anunciou aumento do IOF, revisão da tabela do imposto de renda e uma idade mínima para a reforma da Previdênciasendo desmentido pela equipe, que chegou a aconselhar que ele evite temas econômicos em suas falas
Em seguida, Bolsonaro recuou sobre a possibilidade de o país abrigar uma base militar americana.
***********************************************************************************************
As "cerejas do bolo" foram as notícias de que o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, usou notas fiscais sequenciais emitidas pela empresa de um amigo para solicitar verba indenizatória da Câmara, e a promoção obtida pelo filho do vice-presidente Hamilton Mourão no Banco do Brasil.
O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou hoje (8) que o seu filho Antonio Hamilton Rossell Mourão recebeu a promoção no Banco do Brasil por mérito profissional. 
“(Ele) possui mérito e foi duramente perseguido anteriormente por ser meu filho", disse ele ao Estadão. 
Antonio é funcionário de carreira na empresa e foi nomeado assessor especial da presidência do banco ontem, no mesmo dia em que Rubem Novaes foi empossado no comando da estatal pelo presidente Jair Bolsonaro. 
***************************************************************************************************
RÉVEILLON PARA LADROES 
Presos da Lava Jato assistiram a um show de música sertaneja na festa de final de ano do Complexo Médico-Penal (CMP), na região metropolitana de Curitiba, de acordo com a colunista Mônica Bergamo, da Folha. No local, estão detidos o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, Aldemir Bendine, e o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Netto, entre outros.
Além de assistirem à dupla Bruno César e Leandro, que se apresentou em todas as galerias do presídio, os presos receberam uma esfirra de carne da rede de lanchonete Habib’s, um pedaço de bolo de goiaba e um refrigerante.
A festa foi organizada pelo Conselho da Comunidade, órgão de execução penal que trabalha com 11 presídios da região metropolitana da capital paranaense. Representantes católicos e evangélicos estiveram presentes e fizeram uma roda de oração com os detentos.
************************************************************************************************
 E agora José? o Rei que perdeu a majestade
EU VI...
Já era pouco mais da 00:40 do réveillon e já havia chegado 2019, estávamos ali no Beco do antigo cartório do Bira, quando de repente uma figura pálida, sorrindo sozinho, como se tivesse forçando um ar da graça, acompanhado de 04 seguranças, de bermuda e camisa esporte, pedia passagem pela multidão para chegar talvez ao trio. Eu que já presenciei aquele homem de pouco cabelo e com tom de pele mais bronzeada, olhei de relance e vi que era o mandatário da Costa do Descobrimento Robério Oliveira, fiquei pasmado ao ver um homem que era carregado pela multidão em tempos de outrora, e agora passava quase despercebido, quase, porque rapidamente um morador reconheceu e bradou! ''como pode um ladrão andar livre pela rua, roubou nossa cidade"!! Sem dar muita importância, o homem pálido e calvo partiu e sumiu na multidão, sem esposa, filha e sem nenhum amigo ao seu lado, totalmente alheio por milhares de pessoas que estavam na passarela.
**************************************************************************************************************
Só me resta cantar...
 É a gora José,
A festa acabou,
a luz apagou,
o povo sumiu,
a noite esfriou,
e agora, José?
e agora, você?
você que é sem nome,
que zomba dos outros,
você que faz versos,
que ama, protesta?
e agora, José?
Está sem mulher,
está sem carinho,
está sem discurso,
está sem carinho,
já não pode beber,
já não pode fumar,
cuspir já não pode,
a noite esfriou,
o dia não veio,
o bonde não veio,
o riso não veio
não veio a utopia
e tudo acabou
e tudo fugiu
e tudo mofou,
e agora, José?
E agora, José?
Sua doce palavra,
seu instante de febre,
sua gula e jejum,
sua biblioteca,
sua lavra de ouro,
seu terno de vidro,
sua incoerência,
seu ódio - e agora?
Com a chave na mão
quer abrir a porta,
não existe porta;
quer morrer no mar,
mas o mar secou;
quer ir para Minas,
Minas não…ha mais José!!!

Se você gritasse,
se você gemesse,
se você tocasse
a valsa vienense,
se você dormisse,
se você cansasse,
se você morresse...
Mas você não morre,
você é duro, José!

Sozinho no escuro
qual bicho-do-mato,
sem teogonia,
sem parede nua
para se encostar,
sem cavalo preto
que fuja a galope,
você marcha, José!
José, para onde?

Nenhum comentário