Operação '' Parafilia'' prende Pai de santo e casal que faziam sexo e estupraram menores em Eunapolis

Suspeitos foram presos em operação policial contra estupro de menores em Eunápolis-Bahia — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Um pai de santo de 26 anos foi preso nesta quarta-feira (16) suspeito de abusar sexualmente de um casal de adolescentes, na cidade de Eunápolis, no sul da Bahia. Segundo a Polícia Civil, o suspeito usava a religião para obrigar as vítimas, de 13 anos, a fazer sexo com ele. O homem confessou o crime, mas nega a justificativa, conforme a polícia
De acordo com o delegado Bernardo Pacheco, titular da cidade, Ivan de Jesus Vieira usava a casa dele para cometer os abusos. Os estupros ocorreram por cerca de cinco meses, a partir de agosto do ano passado. O suspeito era líder religioso do menino, que levava a namorada para a residência a mando dele.

PAI DE SANTO É PRESO SUSPEITO DE ESTUPRAR CASAL DE 13 ANOS USANDO RELIGIÃO PARA OBRIGAR VÍTIMAS A SEXO EM EUNAPOLIS
O pai de santo era investigado pela Polícia Civil, após denúncia das vítimas, e teve mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça. O mandado foi cumprido na casa da irmã do suspeito, durante uma operação policial deflagrada na manhã desta quarta-feira para reprimir estupros de vulneráveis na cidade.

Conforme o delegado Bernardo Pacheco, a polícia espera que novas denúncias sejam feitas após a prisão do suspeito. O pai de santo foi encaminhado para o sistema prisional, onde está a disposição da Justiça.
Durante a operação policial, intitulada "Parafilia", um casal também foi preso por estupro na cidade de Eunápolis. Eris Lucio dos Santos, de 35 anos, e Jéssica Rosa Santo, de 27, são suspeitos de abusar sexualmente de uma adolescente de 13 anos.

O crime teria ocorrido em março do ano passado, na casa de Eris Lucio. A vítima seria vizinha do casal e teria sido embriagada antes do estupro.

Os dois também tiveram mandado de prisão preventiva cumprido e foram encaminhados para o sistema prisional

Nenhum comentário